COMPARTILHAR

Por G1 Carros

Central multimídia é controlada por gestos e voz. Montadora diz que carro está 85% pronto para ser lançado.

A China tem muitas start-ups e marcas de carros elétricos que estão tentando um espaço no concorrido mercado, mas uma delas vem chamando a atenção pelo mundo e se destacou no Salão de Pequim 2018: a Byton.

Fundada por ex-funcionários da BMW i, divisão de carros elétricos da marca alemã, a Byton mostrou um conceito que tem na frente uma tela de 49 polegadas com comandos por gestos e voz.

Não bastasse isso, o “painel de instrumentos”, que mostra funções para o motorista, virou uma outra tela de 8 polegadas sensível ao toque, localizada no centro do volante.

Outras duas telas vão no encosto dos bancos para entreter os passageiros traseiro. Não foi por pouco que uma multidão fazia fila para conseguir uma foto do interior do carro.

Pode parecer algo muito futurista, mas segundo a fabricante, o conceito já está 85% pronto para ser lançado com uma autonomia de até 500 km por carga de bateria.

Para brigar diretamente com a Tesla, o modelo elétrico já terá sistemas que dispensam o motorista feitos em parceria com a empresa Aurora, do ex-chefão de desenvolvimento do carro autônomo do Google, Chris Urmson.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário
Por favor, digite seu nome aqui